AO VIVO Últimas Notícias
23/08/2023 14h55 | Atualizado em 23/08/2023 14h57

Maternidade de Camaçari realiza palestra com delegada sobre sobre violência contra a mulher

Além da delegada, a psicóloga Érica Ferreira, colabora FESF-SUS na maternidade, também irá falar sobre o que é considerado violência física e psicológica

Maternidade de Camaçari realiza palestra com delegada sobre sobre violência contra a mulher Foto: Divulgação
Da Redação

Quem for à Maternidade Regional de Camaçari (MRC) nesta sexta-feira (25/8) irá encontrar a equipe vestida de lilás para recepcionar as gestantes que procuram a unidade. A maternidade, gerida pela Fundação Estatal Saúde da Família (FESF-SUS) em parceria com a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), terá ações especiais para marcar o mês de conscientização e combate à violência contra a mulher.

Segundo o artigo “Violência por parceiro íntimo na gestação: um enfoque sobre características do parceiro”, publicado na revista de Ciência & Saúde Coletiva, durante a gravidez a incidência de violência psicológica contra a mulher aumenta. De acordo com a pesquisa, 9,7% dos casos os abusos têm início durante a gestação.

Outro dado importante é de que os agressores de mulheres grávidas ou puérperas são, em maioria, consumidores persistentes de bebida alcoólica; não são pais biológicos da criança em gestação; e têm o perfil de controladores e ciumentos. O estudo também descobriu que puérperas com parceiros que persistentemente não usam preservativo têm nove vezes mais prevalência de violência sexual durante a gestação.

Com foco no resultado deste trabalho, a Maternidade de Camaçari convidou a titular da Delegacia de Atendimento à Mulher da cidade, Maria Tereza, para palestrar sobre o tema e explicar como denunciar de forma segura e sigilosa, sem prejuízos a ela ou ao bebê. Além da delegada, a psicóloga Érica Ferreira, colabora FESF-SUS na maternidade, também irá falar sobre o que é considerado violência física e psicológica.

SERVIÇO:

Visita de Vinculação – Agosto Lilás
Quando: 25 de agosto
Onde: Maternidade Regional de Camaçari
Quanto: gratuito, 100% SUS
Público: gestantes de Camaçari e região

LEIA MAIS: Ozonioterapia não deve ser usada para doenças oculares, alerta CBO

Acompanhe nossas transmissões ao vivo no www.aratuon.com.br/aovivo. Siga a gente no InstaFacebook e Twitter. Quer mandar uma denúncia ou sugestão de pauta, mande WhatsApp para (71) 99940 – 7440. Nos insira nos seus grupos!