O habeas corpus do ex-presidente Michel Temer (MDB) foi revogado nesta quarta-feira (8/5), por dois votos a um no TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região). Segundo o advogado de Temer,  Eduardo Canelós, o réu, que está em São Paulo, deve se apresentar a polícia nesta quinta-feira (9/5).

A defesa do ex-presidente diz que irá negociar detalhes da reapresentação de Temer com o juíz federal Marcelo Bretas. A decisão também revogou a liberdade do Coronel Lima, reformado da Polícia Militar, João Baptista Filho, considerado braço direito do ex-presidente em um esquema que teria desviado R$ 1,1 milhão em propina da Eletronuclear (estatal responsável pela construção da usina Angra 3).

Temer teve prisão decretada no dia 21 de abril, mas foi solto quatro dias depois. Na última segunda-feira (6/5), ele se tornou réu pela sexta vez em ações federais, ao ser denunciado por formação de organização criminosa e embaraço à investigação. 

LEIA MAIS: Temer vira réu pela sexta vez por organização criminosa e embaraço à investigação

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.