AO VIVO Últimas Notícias
15/05/2024 09h55 | Atualizado em 15/05/2024 10h45

Agerba é acusada de recolher CNH de motoristas da Avanço e agência reage: ‘não procede’

“O que ocorre é a necessidade de recolher os veículos, sendo realizado pelos próprios motoristas da empresa e logo após todos os trâmites, os documentos pessoais são devolvidos”, informou a Agerba

Agerba é acusada de recolher CNH de motoristas da Avanço e agência reage: 'não procede' Foto: leitor/Aratu On
Lucas Pereira

Após o Sindicato dos Rodoviários Metropolitanos e Sindicato das Empresas de Transporte Rodoviário de Passageiros do Estado da Bahia (Sindmetro) acusar a Agerba de mandar veículos da frota da empresa Avanço para a garagem e reter a carteira de habilitação dos motoristas, o órgão enviou uma nota à imprensa esclarecendo a situação.

Segundo a Agerba, a fiscalização ocorrida nesta terça-feira (14/5) “busca melhorar o sistema de transporte, retirando de circulação veículos que não estão regulares no sistema, seja no quesito de vistoria ou até mesmo operando linhas de forma irregular”. Além disso, sobre a acusação da retenção de CNHs, “não procede”.

“O que ocorre é a necessidade de recolher os veículos, sendo realizado pelos próprios motoristas da empresa e logo após todos os trâmites, os documentos pessoais são devolvidos”, informou.

Com relação à suspensão das atividades dos rodoviários da Avanço, marcada para a sexta-feira (17), motivada pela entrega das linhas operadas pela empresa no final de maio, o órgão estadual disse que está ciente e que “vai cobrir esta lacuna deixada pela não prestação de serviço caso venha ocorrer no devido dia 17 com a ajuda das outras empresas do sistema”.

Confira a nota completa:

“A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba) está acompanhando a possibilidade da existência da paralisação pontual da empresa Avanço por problemas internos na gestão, pelo sindicato Sindmetro e perante as empresas do sistema. A Autarquia vai cobrir esta lacuna deixada pela não prestação de serviço caso venha ocorrer no devido dia 17/05/2024 com a ajuda das outras empresas do sistema.

Sobre a operação de fiscalização ocorrida hoje, ela busca melhorar o sistema de transporte retirando de circulação veículos que não estão regulares no sistema, seja no quesito de vistoria ou até mesmo operando linhas de forma irregular.

A informação da apreensão da habilitação de motoristas impedindo a operação das linhas pela empresa Avanço não procede. O que ocorre é a necessidade de recolher os veículos, sendo realizado pelos próprios motoristas da empresa e logo após todos os trâmites, os documentos pessoais são devolvidos.

A Agerba está trabalhando para melhorar a situação do transporte metropolitano. Estamos passando por um momento de mudanças, que podem trazer alguns impactos negativos, mas estamos nos organizando para que eles sejam os menores possíveis para os passageiros.”.

CONFIRA REPORTAGEM SOBRE POSSIBILIDADE DE GREVE

LEIA MAIS: Rodoviários recusam proposta de reajuste e definirão greve nesta quarta-feira (15)

Acompanhe nossas transmissões ao vivo no www.aratuon.com.br/aovivo. Siga a gente no InstaFacebook e Twitter. Envie denúncia ou sugestão de pauta para (71) 99940 – 7440 (WhatsApp).