AO VIVO Últimas Notícias
14/05/2024 12h28 | Atualizado em 14/05/2024 13h04

Rodoviários recusam proposta de reajuste e definirão greve nesta quarta-feira (15)

A categoria reivindica a reposição da inflação e ganho real de 4% sobre os salários, reajuste de 10% em cima do ticket-alimentação e vale-transporte com integração ao metrô

Rodoviários recusam proposta de reajuste e definirão greve nesta quarta-feira (15) Foto: Divulgação
Bruna Castelo Branco

Em um impasse que se arrasta por semanas, empresários do sistema de transporte público em Salvador propuseram um reajuste de 1,24% no salário dos trabalhadores, após reunião com líderes sindicais na manhã desta terça-feira (14/5). Anteriormente, a proposta era de 1,13% e, assim como a atual, foi recusada pelo Sindicato dos Rodoviários.

Ao Aratu On, o presidente da entidade, Fábio Primo, disse que o valor negociado não será aceito. Nesta quarta-feira (15/5), às 15h, a diretoria do sindicato fará uma reunião para decidir se haverá ou não greve da categoria. “As rodadas de negociação com os empresários já acabaram”, ressalta ele.

A categoria reivindica a reposição da inflação e ganho real de 4% sobre os salários, reajuste de 10% em cima do ticket-alimentação, hoje em R$ 25, e vale-transporte com integração ao metrô. Atualmente, o cartão que os trabalhadores usam para se deslocar para o trabalho só permite acesso aos ônibus.

Além disto, os rodoviários cobram “correção” de supostos casos de assédio moral promovidos por uma das empresas que compõem o Consórcio Integra.

Mais cedo, o prefeito de Salvador, Bruno Reis, falou sobre a situação. O político cobrou “responsabilidade e juízo” dos  trabalhadores e alertou que uma paralisação pode afetar ainda mais o quadro, que já é grave. “Eles precisam ter responsabilidade, juízo e compreender as dificuldades que hoje vive o transporte público no Brasil. E em Salvador não é diferente”.

E o sinal de que a situação, de fato, é complexa, foi o anúncio feito pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários da Região Metropolitana de Salvador (Sindmetro) e o Sindicato dos Rodoviários da Bahia na última segunda-feira (13/5), a paralisação dos serviços da empresa Avanço Transportes em seis municípios do estado.

A medida afeta Madre de Deus, Candeias, Camaçari, São Francisco do Conde, Simões Filho e Santo Amaro

LEIA MAIS: Rodoviários anunciam paralisação em 6 municípios da Região Metropolitana de Salvador

Acompanhe nossas transmissões ao vivo no www.aratuon.com.br/aovivo. Siga a gente no InstaFacebook e Twitter. Envie denúncia ou sugestão de pauta para (71) 99940 – 7440 (WhatsApp).