AO VIVO Últimas Notícias
04/10/2021 10h55 | Atualizado em 04/10/2021 11h05

Petroleiros fazem ato contra venda da refinaria Landulpho Alves “pela metade do seu valor de mercado”

A mobilização teve início desde ás 7h, no chamado Trevo da Resistência, em frente à sede da RLAM.

Petroleiros fazem ato contra venda da refinaria Landulpho Alves Foto: SindipetroBa
Da Redação

Petroleiros fazem, na manhã desta segunda-feira (4/10), um protesto em frente à Refinaria Landulpho Alves (RLAM), no município de São Francisco do Conde, na Região Metropolitana de Salvador, contra a venda da unidade da Petrobras na Bahia. O ato foi marcado para esta data em alusão aos 68 anos da estatal.

A manifestação, que conta com a participação de representantes da FUP, CUT, de vários Sindipetros, parlamentares, lideranças sociais e populares, é uma homenagem a Petrobras e um protesto contra a política de privatização do governo Bolsonaro. 

Em nota, a Sindipetro ressalta que RLAM, apesar da sua grande capacidade de processamento, está sendo vendida para um grupo de investidores árabes pela metade do seu valor de mercado.

Com a refinaria, estão sendo entregues os seus terminais operados pela Transpetro (Candeias, Itabuna, Jequié e Madre de Deus), além de 669 km de dutos que integram a rede da refinaria, incluindo oleodutos que ligam a RLAM ao Terminal Madre de Deus, ao Complexo Petroquímico de Camaçari e aos Terminais de Jequié e Itabuna". 

A mobilização teve início desde ás 7h, no chamado Trevo da Resistência, em frente à sede da RLAM.

LEIA MAIS: Cumprindo quarentena em Nova York, Ministro da Saúde informou neste domingo que testou negativo para Covid-19

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.

Fonte: Da redação