AO VIVO Últimas Notícias
29/09/2021 10h50 | Atualizado em 29/09/2021 11h12

Sexo nos banheiros de shopping em Salvador faz administração reforçar segurança; prática pode dar cadeia

Em nota, o Bela Vista informou que "proíbe e repudia qualquer prática de ato obsceno nos banheiros ou em quaisquer outros espaços do empreendimento e que vem adotando uma série de medidas".

Sexo nos banheiros de shopping em Salvador faz administração reforçar segurança; prática pode dar cadeia Foto: redes sociais
Da Redação

A administração do Shopping Bela Vista, localizado na região do Cabula, em Salvador, promove medidas para coibir relações sexuais que estariam sendo realizadas dentro dos banheiros da unidade. Por meio de nota, nesta quarta-feira (29/9), o grupo informou que reforçou a segurança no centro de compras para coibir a prática. 

No comunicado, o Bela Vista informa que "proíbe e repudia qualquer prática de ato obsceno nos banheiros ou em quaisquer outros espaços do empreendimento e que vem adotando uma série de medidas a fim de coibir tais ações"

Ainda de acordo com a administração, além do reforço na vigilância e das constantes fiscalizações, o shopping lançou, recentemente, uma campanha interna informativa, inclusive com a ampliação da quantidade de câmeras de segurança para monitorar locais estratégicos. As ações têm como objetivo alertar e prevenir que esse tipo de situação aconteça.

Outra medida foi a instalação de placas educativas nas entradas dos banheiros com informações sobre o crime da prática de ato obsceno em lugares públicos, abertos ou de exposição ao público.  

De acordo com o Código Penal Brasileiro, a pessoa que for flagrada praticando ato sexual em público e levada à Delegacia de Polícia Civil pode responder a um inquérito e poderá pegar de três meses a um ano de detenção, ou pagamento de multa. Isso, porém, depende da autoridade policial e do Tribunal de Justiça. 

No caso do Bela Vista, o shopping informou que todas as irregularidades flagradas são comunicadas imediatamente para as autoridades competentes para que sejam tomadas todas as providências cabíveis com os infratores.

LEIA MAIS: Pediatra é executado a tiros enquanto atendia criança na Bahia; câmera de clínica flagra ação do atirador

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.

Fonte: Da redação