AO VIVO Últimas Notícias
03/03/2023 19h00 | Atualizado em 03/03/2023 19h42

Salvador recebe primeira pós-graduação em transplante capilar do Nordeste

O curso abordará a técnica cirúrgica FUE, abordagem cirúrgica que revoluciona as terapias capilares

Salvador recebe primeira pós-graduação em transplante capilar do Nordeste Foto:

Ilustrativa/Pexels

Beatriz Bulhões

A escola de Medicina da FTC está abrindo a primeira pós-graduação em transplante capilar do Nordeste. O curso, com início das aulas previsto para 17 de março, terá abordagem prática, proporcionando o treinamento em fresh frozen cadavers e participação em cirurgias reais, além de toda capacitação teórica e módulos especiais de Marketing e Legislação. As inscrições podem ser feitas nesse link.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) estima que o número de calvos no Brasil está crescendo exponencialmente – já são cerca de 42 milhões de brasileiros afetados pela alopecia. Segundo o Google, o volume de pesquisas sobre ‘transplante capilar’ dobrou neste último ano. O cenário assustador para quem tem medo de perder os cabelos, na verdade, é uma ótima oportunidade para médicas e médicos que buscam uma área de atuação com mercado aquecido e chances de alto retorno financeiro.

A técnica abordada na Pós da Medicina FTC é a FUE, abordagem cirúrgica que revoluciona as terapias capilares por ser menos invasiva e trazer resultados mais naturais. Com essa fama, a técnica já é a mais procurada por pacientes, garantindo retorno financeiro aos profissionais. “Há uma demanda reprimida absurda, pela falta de médicos capacitados, para atuar numa área de ticket médio alto”, explica o médico Markus Santil, coordenador da Especialização em Transplante Capilar da Medicina FTC.

MERCADO

Até 2020, cerca de 60 mil pessoas saíram do Brasil pare realizar cirurgias de transplante capilar na Turquia. O investimento era alto e a logística, complicada. Assim, a alternativa ficou restrita a uma pequena parcela da população. Com a formação de profissionais capacitados, transplantes e demais terapias capilares podem ser oferecidas por médicos especialistas perto da casa do paciente.

Esse acesso facilitado aumenta a procura. “Transplante Capilar é o silicone masculino. Como há 20 anos, era difícil encontrar uma mulher que não quisesse ter prótese mamária, hoje acontece o processo similar com os calvos. Se fica natural, é acessível financeiramente e pode ser feito na sua cidade, por que não tentar?”, comenta o médico Markus Santil.

Para o médico, que opera nas principais capitais do Brasil, em Portugal e na Espanha, a questão estética tem pesado bastante nessa decisão. “Os homens estão mais abertos a investir em estética, entendendo que este aspecto afeta a autoconfiança e, por isso, os resultados em todos os âmbitos da vida”. Ainda de acordo com o especialista, o avanço das técnicas cirúrgicas conferem um resultado mais natural, o que também inspira segurança em homens e mulheres.

A Especialização em Transplante Capilar é o primeiro curso de pós-graduação oferecido pela Medicina FTC. A expectativa da instituição é expandir o portfólio de educação continuada. O Programa de Pós-Graduação da Medicina FTC é coordenado pelo médico e pesquisador Bruno Bezerril. Além dos cursos de especialização, a instituição já oferece três programas de Residência em Salvador.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos siga no InstagramFacebook e Twitter. Quer mandar uma denúncia ou sugestão de pauta, mande WhatsApp para (71) 99940 – 7440. Nos insira nos seus grupos!