AO VIVO Últimas Notícias
17/04/2024 16h27 | Atualizado em 17/04/2024 16h27

Imagens mostram sobrinha passeando com idoso morto em shopping antes de ir ao banco

Segundo o delegado, ele estava morto pelo menos há duas horas antes dela tentou sacar o dinheiro

Imagens mostram sobrinha passeando com idoso morto em shopping antes de ir ao banco Foto: Reprodução / Câmeras de segurança
Ananda Costa

Em imagens divulgadas do circuito interno do shopping em Bangu, na zona oeste do Rio, é possível ver momentos antes da chegada de Erika de Souza Vieira Nunes, de 42 anos, na agência bancária com o  seu “tio Paulo”. Nas imagens, é possível ver que a sobrinha deixa o idoso no corredor e entra em um estabelecimento. Em seguida, os  dois passam andando pelo corredor e no estacionamento do local.

Durante o “passeio pelo shopping”, não é possível afirmar se o idoso já estava morto, mas, de acordo com Fábio Luiz Souza, titular da 34ª Delegacia de Polícia (Bangu), os sinais no corpo de Paulo Roberto Braga, de 68 anos, confirmam que o idoso estava morto pelo menos duas horas antes de ser levado ao banco pela sobrinha.

A afirmativa do delegado foi dada a partir das manchas na nuca de Paulo, chamadas livores cadavéricos. Segundo o titular da 34ªDP, se Paulo tivesse morrido no banco, haveria livores nas pernas, já que ele estava na cadeira de rodas, mas a perícia inicial não encontrou manchas nos membros inferiores.

“Não dá pra dizer o momento exato da morte. Foi constatado pelo Samu que havia livor cadavérico. Isso só acontece a partir do momento da morte, mas só é perceptível por volta de duas horas após a morte”, disse.

Os agentes esperam pelo exame de necropsia para atestar a causa da morte: se ela ocorreu por alguma causa natural ou se foi dada a ele alguma substância que pudesse levá-lo a morte. As investigações apontam para causa natural, de acordo com o delegado.

RELEMBRE O CASO

A defesa de Érica de Souza Vieira Nunes afirma que o idoso com o qual ela tentou sacar um empréstimo em uma agência bancária de Bangu, na zona oeste do Rio de Janeiro, chegou vivo ao local. O caso aconteceu nessa terça-feira (16/4), e Érica foi presa em flagrante por tentativa de furto mediante fraude e vilipêndio a cadáver. Detida, ela aguarda audiência de custódia, que não havia sido marcada até o fechamento desta reportagem.

A tentativa de saque na agência bancária foi registrada em vídeo. Nas imagens, o idoso está pálido e sem qualquer reação ou reflexo, sentado em uma cadeira de rodas, enquanto Érica pede repetidas vezes que ele assine o empréstimo de R$ 17 mil. A mulher, que informou à polícia ser cuidadora e sobrinha dele, chega a dizer que ele “era assim mesmo”. Os funcionários do banco percebem que o idoso não reage e decidem chamar o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU)

*Com informações do SBT News e da Agência Brasil*

LEIA MAIS: Mulher flagrada com idoso morto está presa e alega que o levou ao banco com vida

Acompanhe nossas transmissões ao vivo no www.aratuon.com.br/aovivo. Siga a gente no InstaFacebook Twitter. Quer mandar uma denúncia ou sugestão de pauta, mande WhatsApp para (71) 99940 – 7440. Nos insira nos seus grupos!