AO VIVO Últimas Notícias
23/02/2024 08h50 | Atualizado em 23/02/2024 11h56

Cuidados, remédios e vacina: Aratu On explica o que você precisa saber sobre a dengue

23 cidades baianas decretaram epidemia da doença

Cuidados, remédios e vacina: Aratu On explica o que você precisa saber sobre a dengue Foto: Ascom/SMS
Juana Castro

Casos de dengue vêm crescendo no Brasil, nas últimas semanas, e com registro de mortes, inclusive. Na Bahia não foi diferente. No momento desta publicação, 38* cidades baianas haviam decretado epidemia da doença e três óbitos já foram confirmadas pela secretaria estadual de Saúde, a Sesab.

Por isso, o Aratu On vai explicar alguns pontos, como o que fazer, em caso de sintomas da doença, quem pode ter acesso à vacina contra a dengue e quais remédios não devem ser utilizados, a fim de evitar maiores complicações.

Antes, cabe ressaltar que cuidado nunca é demais. Tente eliminar água parada, perto de você, em pneus, recipientes abertos, para evitar a proliferação do mosquito. Se preciso, peça ajuda aos órgãos responsáveis.

*No momento da gravação do vídeo, apenas 23 cidades tinham decretado epidemia de dengue.

REMÉDIOS

Mas se a dengue já chegou a você, a sua família e pessoas próximas, cabem algumas recomendações. Se você apresenta sintomas da doença, aumente a hidratação. Beba mais água que o habitual e procure descansar. Se optar por tomar algum remédio para dor, dipirona e paracetamol são os indicados. Evite ibuprofeno, nimesulida, aspirina e aas, prednisona e hidrocortisona e ivermectina, que podem provocar sangramentos e hemorragias, além de não terem eficácia comprovada contra a dengue.

VACINA

O imunizante já é uma realidade no Brasil, mas indicado, em um primeiro momento, para crianças e adolescentes de 10 a 14 anos, conforme orientou o Ministério da Saúde. Na Bahia, por enquanto, a vacinação está destinada a crianças de 10 e 11 anos, em Salvador, Camaçari – na região metropolitana – e Feira de Santana. Até março, contudo, a previsão é que as doses cheguem a mais de 100 municípios baianos.

38 CIDADES EM EPIDEMIA

Segundo a Sesab, a Bahia registrou, de 1º de janeiro a 17 de fevereiro de 2024, 8.674 casos de dengue, um incremento de 21,7% no comparativo com o mesmo período do ano passado. Atualmente, a Bahia tem três óbitos confirmados, sendo dois residentes de Jacaraci e um de Piripá.

Atualmente, os 38 municípios que se encontram em epidemia são: Anagé, Barra do Choça, Barra do Mendes, Barro Alto, Belo Campo, Bonito, Brejões, Canarana, Caturama, Condeúba, Encruzilhada, Feira da Mata, Ibiassucê, Ibicoara, Ibipitanga, Ibitiara, Igaporã, Ipiaú, Iramaia, Irecê, Iuiú, Jaborandi, Jacaraci, Lajedão, Macaúbas, Manoel Vitorino, Matina, Morro do Chapéu, Mortugaba, Mucugê, Novo Horizonte, Piripá, Presidente Jânio Quadros, Quixabeira, Serrolândia, Tanque Novo, Uruçuca e Vitória da Conquista. Outras 19 localidades são consideradas “áreas de alerta”.

Mais informações sobre a dengue na Bahia podem ser conferidas no site da Sesab (clique aqui).

Acompanhe nossas transmissões ao vivo no www.aratuon.com.br/aovivo. Siga a gente no InstaFacebook e Twitter. Quer mandar uma denúncia ou sugestão de pauta, mande WhatsApp para (71) 99940 – 7440. Nos insira nos seus grupos!