Saúde há 16 dias. Fonte: Da redação

Bahia tem novo recorde e registra 189 mortes em 24 horas; mais de 16 mil perderam a vida para a doença

Creditos da foto:ilustrativa/Pixabay
Bahia tem novo recorde e registra 189 mortes em 24 horas; mais de 16 mil perderam a vida para a doença

Nesta quarta-feira (7/4) foram registrados 189 óbitos por Covid-19, o maior número desde o início da pandemia em um boletim epidemiológico sobre a doença. Anteriormente este recorde havia sido no dia 31 de março, quando houve registro de 160 mortes. Apesar de os óbitos terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram contabilizados nesta quarta.

 

Ao todo, 16.107 pessoas morreram em decorrência da doença, no estado, representando uma letalidade de 1,95%. Segundo explica a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), a existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se à sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

 

Dentre os óbitos, 55,31% ocorreram no sexo masculino e 44,69% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,77% corresponderam a parda, seguidos por branca com 21,65%, preta com 15,25%, amarela com 0,48%, indígena com 0,13% e não há informação em 7,72% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 66,67%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (73,82%).

 

CASOS CONFIRMADOS

 

Também nas últimas 24 horas foram foram registrados 3.712 novos casos do coronavírus, totalizando 825.015 confirmações desde o início da pandemia. Desse total, 794.967 já são considerados recuperados, 13.941 encontram-se ativos e 45.896 referem-se a profissionais da saúde que testaram positivo para a doença.

 

boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.140.986 casos descartados e 186.552 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h desta quarta-feira.

 

Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

 

SITUAÇÃO DA REGULAÇÃO DE COVID-19

 

Às 15h desta quarta-feira, 112 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 35 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

 

VACINAÇÃO

 

Com 1.851.842 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), até as 15 horas desta quarta-feira, a Bahia é um dos estados do país com o maior número de imunizados. A Sesab realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

 

Tem -se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.

 

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

 

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.

Notícias Relacionadas

Saúde 4/23/2021

Uma dose de vacina, da Pfizer ou da Astrazeneca, reduz infecção em até 65%, revela estudo

Informação é de trabalho feito por pesquisadores britânicos

Saúde 4/23/2021

OMS denuncia desigualdade na distribuição de vacinas nos países mais pobres

De acordo com diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, as vacinas continuam a não chegar aos países mais pobres.

Saúde 4/22/2021

São Paulo registra menos mortes de idosos por Covid-19, mas há aumento de mortes entre mais jovens

Os cartórios do estado de São Paulo começaram a registrar, no mês de março e agora em abril, queda no número de mortes de idosos por covid-19, principalmente nas faixas etárias já incluídas na campanha de vacinação.

Saúde 4/22/2021

SSA: vacinação contra Covid inclui fonoaudiólogos e quem faz 60 anos até julho deste ano; confira

Os fonoaudiólogos autônomos e idosos que vão completar 60 anos em 2021, nascidos entre 23 de abril e 23 de julho de 1961, são os novos públicos a serem vacinados contra a Covid-19 em Salvador, nesta sexta-feira (23/4).

Saúde 4/22/2021

Bahia deve receber 222,5 mil doses de vacina contra Covid-19 nesta quinta e secretário alerta para segunda dose

Segundo o secretário de Saúde, Fábio Vilas-Boas, estado receberá 42 mil doses da CoronaVac e 180,5 mil da AstraZeneca.

logo_aratuonline

Não é um portal! É a vida ao vivo, em tempo real! O Aratu On é uma plataforma focada na produção de conteúdo audiovisual, que fala da Bahia e dos baianos para o Brasil e para o mundo. Aqui, a notícia é no tempo presente.

Fotos do Instagram

A forte chuva que atinge a Bahia tem causado diversos pontos de alagamentos em Salvador e Região Metropolitana. Até a manhã desta sexta-feira (23/4), a situação ficou crítica em algumas ruas, com carros praticamente submersos.

Apesar de a Superintendência de Trânsito (Transalvador) não ter registros de ocorrências de alagamentos em vias importantes da cidade, vídeos dos leitores do Aratu On dão conta de transtornos nos bairros da Pituba, Rio Vermelho e Jardim Armação, que estão congestionados por causa da chuva.

De acordo com atualizações da Defesa Civil de Salvador, 16 ocorrências de solicitações de moradores da capital já foram registradas, entre elas alagamento, desabamento parcial de imóvel e deslizamento de terra.O deputado estadual @deputadoangeloalmeida (PSB) estará no Linha de Frente nesta sexta-feira (23/4), conversando com o jornalista @opabloreis, do Grupo Aratu. Participe com a gente através das nossas redes sociais.Vocês concordam que 'viver e sobreviver está sendo um enorme desafio para todos durante a pandemia', e que para quem é pai ou mãe, a situação pode ser ainda mais delicada? "A questão é: como auxiliar ou prestar apoio sem invadir o espaço do outro?"

Esse é o tema da estreia de Otávio Leal (@paivemca) no Colunistas On. Pai de Maria Flor, advogado e consultor parental, ele estará com a gente toda semana, falando sobre paternidade e relações familiares.

Para ler o artigo completo, acesse www.aratuon.com.br/colunistasonA cantora Anitta compartilhou, nesta quarta-feira (21/4), uma postagem nas redes sociais em que pede a saída de Ricardo Salles do Ministério do Meio Ambiente pelo seu “desserviço” no comando da pasta e criticou a atual gestão ambiental do Governo Federal. A situação, porém, gerou uma grande confusão. 

Tudo começou quando a artista usou o seu perfil no Twitter para defender a tag #ForaSalles, movimento que teve a adesão de outras personalidades. Salles então, respondeu à publicação, chamando a cantora de “Teletubbie”. 

“Fica na sua ai, ô Teletubbie", comentou, fazendo referência ao programa infantil criado em 1997.

A artista retrucou. "Além de imaturo, é burro. Melhor sair do ministério", disse. Em outro comentário, Anitta questionou a maturidade de Salles. "Quantos anos você tem? 12?", criticou. O ministro questionou se a cantora sabe quais são as capitais do Brasil ou para falar “pelo menos os nomes dos seis biomas brasileiros” para “começar a conversar”.

A cantora respondeu ao ministro novamente, pediu desculpa pela demora nas respostas e disse que não consegue respondê-lo em cinco minutos, como ele faz, “porque trabalha”. “Tava dando umas entrevistas em inglês, espanhol, em francês… você fala francês? Liga para a presidente da França? Ouvi dizer que ele ama vocês”, finalizou.

Depois da discussão, Anitta lançou uma enquete em sua rede social sobre a função do ministro do Meio Ambiente. As opções foram “defende a natureza” ou “fica de trelelê no Twitter”.

Além de Anitta, o movimento pedindo a saída de Salles da pasta responsável por conduzir a política ambiental teve adesões no Twitter de políticos da oposição e celebridades, entre nomes como a ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva, o compositor e ex-ministro da Cultura Gilberto Gil e a ativista defensora dos animais Luisa Mell.
Ver Mais