O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Luiz Fux, foi diagnosticado com coronavírus nesta segunda-feira (14/9). Ele tomou posse como presidente da Corte na última quinta-feira (10/9), de forma online, e sua assessoria diz que a suspeita é a de que ele contraído a doença em um almoço familiar no último sábado (12/9). 

O ministro foi submetido a um exame no Rio de Janeiro por conta de uma febre, mas passa bem. A assessoria de comunicação do STF afirmou que Fux pretende conduzir a sessão da próxima quarta-feira (16/9), visto que será o primeiro encontro de todos os ministros após a celebração da posse.

Segundo a Folha de São Paulo, o ministro seguirá os protocolos de saúde e ficará em isolamento pelos próximos 10 dias. Na última sexta-feira (11), um dia depois de assumir a presidência, Fux divulgou a pauta de julgamentos do plenário até o fim deste ano, sem a presença de temas polêmicos, como a descriminalização das drogas, do aborto e a implementação do juiz de garantias.

LEIA MAIS: Índice de aprovação de Bolsonaro sobe e supera reprovação pela primeira vez desde 2019, diz pesquisa

Acompanhe todas as notícias sobre o coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.