O homem apontado pela polícia como o segundo suspeito de estuprar uma turista piauiense em uma praia no bairro de Itapuã, em Salvador, está preso no Hospital Geral do Estado (HGE) após ter sido espancado. O comparsa dele se entregou à Polícia Civil durante a manhã.

A informação foi confirmada ao Aratu On na tarde desta sexta-feira (10/1) pelo comandante da 15ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), tenente-coronel Eurico Filho. De acordo com o oficial, o homem tentou cometer uma ação criminosa no bairro de Sussuarana quando foi alcançado por testemunhas e espancado. O estado de saúde e a identidade deve não foram esclarecidos. 

LEIA MAIS: Preso suspeito de estuprar turista do Piauí em praia de Itapuã

O bandido foi socorrido para o HGE e deve prestar depoimento na Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur), onde o estupro está sendo investigado.  

CASO

De acordo com a titular da Deltur, Maritta Souza, dois homens atacaram a mulher e seu namorado próximo à Pedra da Sereia. Um deles teria pedido dinheiro e, como as vítimas não tinham dinheiro, o turista disse que voltaria ao hotel para buscar dinheiro. Como a namorada ficou com os assaltantes, ao invés de voltar ao hotel, ele foi à delegacia. Câmeras de segurança instaladas na região mostram o assaltante com a vítima. 

Um dos assaltantes, em posse do cartão de crédito das vítimas, foi ao banco tentar sacar algum dinheiro. Ainda segundo a delegada, foi nesse momento que a mulher ficou sozinha com o segundo criminoso que ela sofreu o abuso.

Depois de cometer o crime, o criminoso viu luzes de viatura e pediu para que a mulher disfarçasse, andando com ele pela calçada. A vítima passou mal e os dois tiveram que parar em um prédio, onde o suspeito pediu água para a mulher.

 Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.