Uma professora de 37 anos, que não teve a identidade divulgada, foi presa na terça-feira (15/9) por suspeita de homicídio contra um estudante de 22 anos. O caso ocorreu no município de Capela do Alto Alegre, a 250 km de Salvador.

O corpo da vítima, Otacílio Júnior Souza Santos, foi encontrado em um povoado conhecido como Marreca no dia 27 de agosto com ferimentos provocados por uma faca. A Polícia Civil já sabe que suspeita mantinha um caso amoroso com a vítima.

"Otacílio foi aluno dela e eles tiveram uma relação amorosa. Ele ameaçou publicar nas redes sociais e divulgar o caso", explicou o titular da Delegacia Territorial de Capela do Alto Alegre, Hidelbrando Alves da Silva.

Arquivos deixados por Otacílio contribuíram para a elucidação do caso. "Familiares apresentaram um cartão de memória com áudios e outras provas, que apontaram a autoria", complementou o delegado responsável pelas investigações.  

A mulher passou por exames de lesões corporais e segue presa, à disposição do Poder Judiciário. As investigações continuam, com a finalidade de esclarecer a possível participação de outros envolvidos.   

LEIA MAIS: Grupo rende seguranças e sequestra funcionárias de maternidade dentro do estacionamento em Salvador

Acompanhe todas as notícias sobre o coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.