Na noite desta segunda-feira (21/12), a "Estrela de Belém", ou "Estrela de Natal", pôde ser vista a olho nu, no céu. Trata-se do alinhamento dos maiores planetas do sistema solar, Júpiter e Saturno, que, de tão próximos, pareceram um único corpo celeste. O movimento raro, conhecido como Grande Conjunção, não ocorre durante a noite há 800 anos.

"É um momento muito especial, porque desde que os telescópios foram inventados, no século XVII (17), essa é a maior aproximação de ambos os planetas", explicou o astrônomo Fernando Muranetto.

ASSISTA (a partir dos 13 minutos de vídeo, aproximadamente):

LEIA MAIS: Premiação elege melhor acarajé, melhor abará e melhor tabuleiro de Salvador; confira ganhadoras

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.