Como previsível, o árbitro José Mendonça da Silva, que apitou a derrota do Bahia por 1 a 0 contra o Fluminense, neste último domingo (11/10), relatou na súmula, as ofensas recebidas pelo técnico do Bahia, Mano Menezes. 

O triunfo do tricolor carioca foi conquistado com um gol de pênalti - que na visão de Mano Menezes não teria ocorrido. No final da partida, o comandante do Bahia se dirigiu até o árbitro no centro do campo e fez críticas a atuação do juiz. Em súmula, José Mendonça da Silva relatou que tomou conhecimento de ofensas recebidas pelo técnico do Bahia e que se sentiu ofendido. Confira um trecho da súmula:

"Informo que após o encerramento da partida, já no vestiário do estádio, tomei conhecimento de que o técnico da equipe esporte clube Bahia,
senhor Luiz Antonio Venker Menezes, adentrou o campo de jogo proferindo as seguintes palavras aos seus atletas se referindo a minha
pessoa: “deixa esse vagabundo aí, não quero que reclame com vagabundo não. deixar roubar! ” pude constatar tal ato através de imagens gravadas da transmissão da partida e me senti ofendido em minha honra."

Com o relato do juiz, o técnico Mano Menezes deverá ser punido pelo (STJD) Supremo Tribunal de Justiça Desportiva. O próximo confronto do Bahia será contra o Goiás, na sexta-feira (16/10), às 20h. 

LEIA MAIS: Ministros do STF desaprovam ato de Marco Aurélio ao soltar chefe do PCC, mas Fux é criticado

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.