Um bebê de 1 ano e 10 meses morreu por volta da 17h30 da tarde desta segunda-feira (6/4). Davi de Carvalho foi uma das quatro vítimas da explosão de um botijão de gás no Vale das Pedrinhas, em Salvador.

O bebê estava internado no Hospital Geral do Estado (HGE) desde o dia 12 de abril, quando houve a explosão. A criança chegou a apresentar melhora, mas não resistiu aos ferimentos.

No momento do acidente, a criança estava em frente à casa onde houve a explosão, acompanhado da mãe, Dêmile de Carvalho, de 21 anos. "Ele só estava esperando ouvir minha voz. Ouviu e só foi o tempo de eu chegar na porta; quando cheguei, os batimentos dele estavam em 47, aí quando entrei, foi baixando, e quando falei tudo o que tinha pra falar com ele, o Senhor levou", lembrou.

Além de Davi, no acidente também morreu Jorge Emanoel de Jesus Souza, de 50 anos, dez dias após o acidente. Já o morador da casa onde o botijão explodiu, Edilson Pereira Nascimento, de 29 anos, continua internado. No total, onze famílias foram atingidas durante a explosão. 

LEIA MAIS: Uma das vitímas da explosão de um botijão de gás no Vale das Pedrinhas morre no HGE

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.