AO VIVO Últimas Notícias
27/11/2020 16h13 | Atualizado em 27/11/2020 16h41

Bahia é o estado mais afetado pelo desemprego e Brasil atinge a maior taxa desde 2012, diz IBGE

Bahia é o estado mais afetado pelo desemprego e Brasil atinge a maior taxa desde 2012, diz IBGE

Bahia é o estado mais afetado pelo desemprego e Brasil atinge a maior taxa desde 2012, diz IBGE Foto: Marcelo Casal/Agência Brasil
Da Redação

A taxa de desemprego no país subiu e chegou a 14,6% no terceiro trimestre sendo a maior taxa registrada desde 2012. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (27/11) e fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A Bahia foi o estado mais afetado.

No total o Brasil tem 14,1 milhões de pessoas desempregadas. No terceiro trimestre, a taxa de desemprego subiu em dez estados e ficou estável nos demais. As maiores taxas foram na Bahia (20,7%), em Sergipe (20,3%) e em Alagoas (20%). Já a menor foi registrada em Santa Catarina (6,6%).

Na comparação com o trimestre anterior, houve aumento de 13,3%. Isso significa que mais 1,3 milhão de pessoas entraram na fila em busca de um trabalho. A taxa de desemprego atingiu o recorde de 17,9% no Nordeste, o maior número entre as regiões do país e o Sul teve a menor taxa com 9,4%.

Os maiores crescimentos da taxa de desocupação foram registrados na Paraíba, no Amapá e em Pernambuco. A pesquisa aponta diferença na taxa de desocupação entre homens e mulheres. O percentual foi de 12,8% para os homens e de 16,8% para as mulheres. Entre as pessoas pretas, a taxa foi de 19,1%, enquanto a dos pardos foi de 16,5%, ambas acima da média nacional. A menor taxa foi a dos brancos com 11,8%.

Os jovens também tiveram a maior taxa de desocupação entre os grupos etários no terceiro trimestre. As pessoas de 14 a 17 (44,2%) e de 18 a 24 anos de idade (31,4%) tiveram taxa acima da média nacional (14,6%).

LEIA MAIS: Trem do subúrbio de Salvador sai dos trilhos nesta sexta-feira e passageiros se queixam; veja vídeo

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.

Fonte: Da redação