O monsenhor José de Souza Neiva, de 103 anos, faleceu na noite de terça-feira (13/10) na cidade de Cruz das Almas, no Recôncavo Baiano. O padre dedicou 78 anos da sua vida ao sacerdócio e mudou-se para a diocese do interior assim que ela oi criada, em 2018.

De acordo com a Arquidiocese de Salvador, o monsenhor morreu de causas naturais. Seu corpo será velado nesta quarta-feira (14/10), na Catedral da Diocese de Cruz das Almas, com a possibilidade de acesso aos fiéis de forma restrita. Ás 14h, foi celebrada a Missa de corpo presente, presidida pelo bispo diocesano, Dom Antonio Tourinho Neto.

Nascido em 1917, no município de Dom Macedo Costa, monsenhor Neiva descobriu ainda na infância a vocação para o sacerdócio. Em 21 de março de 1942, pelas mãos do então Arcebispo de Salvador, Cardeal Dom Augusto Álvaro da Silva, Neiva recebeu a Ordenação Sacerdotal.

LEIA MAIS: Hospital Espanhol: após divergências com o MP, Governo do Estado decide contratar nova empresa para gestão

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.