O Congresso Nacional recebeu na noite do último domingo (28/6), projeções das cores do arco-íris, em comemoração ao Dia do Orgulho LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais). A ação aconteceu das 20h às 20h15, no horário de Brasília.

Com a pandemia do novo coronavírus, não foi realizada neste ano, em Brasília, a Parada do Orgulho LGBT. Além da imagem da bandeira do arco-íris, as duas torres do Congresso receberam mensagens como "democracia", "diversidade", "direitos" e "LGBT". O pedido do ato foi do senador Fabiano Contarato (Rede-ES) que se se manifestou nas redes sociais. "Esse arco-íris que iluminou o Congresso Nacional simboliza a nossa liberdade, respeito, amor e a igualdade", escreveu. 

A conta oficial do Senado no Twitter afirmou que "o Congresso Nacional respeita a diversidade". O dia 28 de junho marca a rebelião de Stonewall, em Nova York, em 1969. A revolta se deu por frequentadores do bar como reação à repressão de policiais que invadiram o local. 

LEIA MAIS: Polícia encerra festa que teve show do cantor sertanejo Bruno, da dupla com Marrone

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.