AO VIVO Últimas Notícias
11/02/2015 18h25 | Atualizado em 11/02/2015 18h26

Quatro estádios ainda não podem sediar jogos do Baianão, diz FBF

Quatro estádios ainda não podem sediar jogos do Baianão, diz FBF

Da Redação

A Federação Bahiana de Futebol (FBF) divulgou nesta quarta-feira (11) um parecer sobre os estádios ainda pendentes de melhorias e ajustes para serem utilizados no Baianão 2015. A Federação deu o prazo de até 10 de fevereiro para corrigir os problemas das praças esportivas.

Após vistorias dos órgãos competentes e do assessor da FBF para vistorias e segurança em estádios, Coronel Inácio Diniz, a entidade disse que os estádios Mariano Santana, em Serrinha; Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe; Antônio Carlos Magalhães, em Porto Seguro e José Rocha, em Jacobina, ainda não estão liberados para receberem jogos do estadual.

Em Porto Seguro, todas as melhorias e ajustes foram realizados e o estádio foi aprovado na vistoria. Porém, por um laudo do Corpo de Bombeiros, o local ainda não poderá sediar as partidas. O comandante do Corpo de Bombeiros local apresentou um laudo não compatível com o exigido pelo Ministério Público. A FBF ainda consultou o MP-BA sobre a possibilidade de a praça ser liberada, mas o órgão não aceitou e exigiu o laudo padrão utilizado em todo o Brasil.

Agora, cabe ao poder público de Porto Seguro e o Corpo de Bombeiros solucionarem o impasse para que o estádio Antônio Carlos Magalhães possa ser o mando de campo do Serrano. Enquanto isso, o Rubro-Verde seguirá mandando seus jogos no Lomanto Junior, em Vitória da Conquista.

Em Riachão do Jacuípe, o trabalho de melhoria ainda não foi suficiente para a liberação do Eliel Martins, que foi reprovado. Pelo menos até o final do primeiro semestre de 2015, o estádio não terá condições de receber jogos. O Jacuipense, que havia solicitado mandar seus jogos no local seguirá atuando no Roberto Santos (Pituaçu), em Salvador.

Em Serrinha, as vistorias detectaram que o Mariano Santana também não reúne, por enquanto, condições para sediar duelos da 1ª Divisão. Com isso, a Catuense também permanecerá utilizando Pituaçu, na Capital baiana, como sua casa na competição, mas ainda há possibilidade de nova vistoria.

Já em Jacobina, poucos detalhes ainda impedem o retorno do Jacobina Esporte Clube para o estádio José Rocha. O Coronel Diniz solicitou uma vistoria final para a praça para depois do Carnaval. Considerando que o Baianão já avança para a 3ª rodada da fase de classificação e que a FBF não tem condições de manter na tabela constante a indicação de mandos de campo em “a definir”, o Jegue da Chapada, assim como os demais clubes, teve um mando de campo indicado. O clube jacobinense, pelo menos até a possível aprovação na nova vistoria terá como mando o estádio Adauto Moraes, em Juazeiro.

Pela campeonato Sub-20, permanecerá a medida adotada pela entidade máxima do futebol baiano anteriormente. Quando houver rodada dupla em Pituaçu, os duelos da categoria de base serão realizados no CT Manoel Pontes Tanajura, a Toca do Leão.

Fonte: Da redação