AO VIVO Últimas Notícias
05/08/2015 12h46 | Atualizado em 05/08/2015 12h46

“Los Catedrásticos Nova Mente ” encerra temporada neste domingo

“Los Catedrásticos Nova Mente ” encerra temporada neste domingo

Da Redação

O espetáculo “Los Catedrásticos Nova Mente” encerra temporada no próxima dia 9 de agosto no Teatro Módulo. As sessões acontecem de sexta a domingo, às 20 horas, e os ingressos custam R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia).

Dirigida pelo aclamado encenador Paulo Dourado, conta com os talentos de Jackson Costa, Ricardo Bittencourt e Cyria Coentro no elenco. A temporada foi estendida por mais uma semana devido ao grande sucesso.

Três Atores – Pela primeira vez em mais de 25 anos de trajetória, a montagem será encenada só com três atores. Jackson Costa ressalta que “Nova Mente” faz uma abordagem interessante sobre o conteúdo das letras, “o apelo com a sexualidade, o desrespeito à figura da mulher e a falta de criatividade poética e musical.

Nova Mente – O espetáculo “Nova Mente” foi criado em 2012 pelo grupo baiano Los Catedrásticos ao completar 25 anos de existência.

O texto é composto por letras de música baiana: axé, pagode, arrocha etc. Também são usados textos de sites de autoajuda e de filmes do youtube, apresentando ao espectador questões sobre a folclorização e mercantilização da cultura popular, a exacerbação da sexualidade, o ideário da carnavalização e o universo virtual das redes sociais.

Através do uso irreverente da improvisação, as atualizações do espetáculo são produzidas pelo grupo, incorporando novas músicas, textos e cenas e, além disso, abrindo espaço para a interatividade e a participação do público. Foi desta maneira que o trabalho do grupo Los Catedrásticos se consolidou como crônica reflexiva do universo cultural nordestino e brasileiro.

Essa nova montagem já passou pelos Teatros Casa do Comércio, Jorge Amado, Teatro Castro Alves (Festival de Humor da Bahia ? FHUBÁ) e Teatro ISBA. É um dos maiores públicos do teatro brasileiro fora do eixo Rio/SP e a segunda maior bilheteria do teatro baiano de todos os tempos.

 

Fonte: Da Redação