AO VIVO Últimas Notícias
26/12/2023 21h07 | Atualizado em 26/12/2023 21h10

Aumento do salário mínimo: o que isso implica, na prática?

Confira as orientações do contador, professor e empresário André Luis

Aumento do salário mínimo: o que isso implica, na prática?
André Luis

Vamos para mais um ano e o salário mínimo aumenta para quanto? Essa é uma das grandes preocupações de boa parte dos brasileiros. A proposta de valor para 2024 é de R$ 1.421,00. Esse aumento de R$ 101,00 foi socializado pela ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, em conjunto com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

Ainda este ano, foi sancionada a lei ajustando a regra de correção do salário mínimo, no qual destacamos a inflação projetada pelo Ídice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), estimada para 2023, até novembro, além de considerar o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos anteriores. Então, a nova regra faz com que o valor do salário mínimo seja corrigido pela inflação do ano anterior com base no INPC, somada à avaliação positiva do PIB de dois anos atrás.

Na qualidade do contador, entendo que o objetivo, segundo o governo, é aumentar o poder de compra das famílias, até porque, desde 2019, não havia mais leis determinando reajuste acima da inflação. Com o reajuste do salário mínimo passando a valer logo no início de 2024, acreditamos que a valorização do salário mínimo acima da inflação está entre as políticas para a redução da desigualdade, que buscam garantir crescimento com a inclusão social.

Não se esqueçam: análise fundamental não é sobre o valor que será reajustado, mas, sim, no poder de compra para o consumo de bens e serviços. Do que adianta aumentar R$ 500 e os elementos triplicarem de valor? Então vamos torcer para que o Brasil possa crescer e reduzir a sua inflação, a fim de melhorar mais ainda o poder de compra de toda a população.

*Este material não reflete, necessariamente, a opinião do Aratu On.