Pouco depois de completar dois anos do assassinato da estudante Andrezza Victória Santana Paixão, 15 anos, o réu, seu ex-namorado Adriel Montenegro dos Santos, 21, vai a júri popular nesta sexta-feira (19/7). O júri acontecerá às 8h do dia 19 no salão do Júri II do Fórum Ruy Barbosa. A informação foi confirmada pela assessoria do TJ-BA ao Aratu On. Adriel será julgado por feminicídio e outras três qualificadoras: impossibilidade de defesa da vítima, motivo fútil e torpe. 

O CRIME

A vítima foi baleada na parte de trás da cabeça, acima da nuca, no dia 17 de abril de 2017 na casa de Adriel, no bairro de Itapuã, em Salvador. Em março do ano passado, Adriel, que é filho de um policial miliar, foi ouvido em audiência de instrução do júri. Outras três testemunhas – uma prima de Adriel de 19 anos, além dos pais dele –, também foram ouvidos. 

Ainda no mesmo mês, um pedido de revogação da prisão de Adriel foi negado. À época, era o quarto pedido feito pela defesa. Adriel cumpre prisão preventiva desde 24 de outubro de 2017. As investigações apontam que o crime aconteceu na varanda da casa onde Adriel morava, na Rua do Bispo, em Nova Brasília de Itapuã. 

Data: 19/7/2019

Horário: 8h

Término: sem previsão

Local - Fórum Ruy Barbosa salão do Júri

Juíza Gelzi Maria Almeida Souza Matos

LEIA MAIS: Ministério da Saúde suspende fabricação de 19 remédios oferecidos gratuitamente

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.