Morreu em Salvador, neste domingo (14/2), o vereador de Salvador Daniel Rios (Patriota). O político estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Aliança, mas acabou não resistindo após complicações em uma cirurgia no pâncreas decorrente de um câncer.

O edil, que havia contraído e se recuperado da Covid-19 pouco antes, estava em seu segundo mandato parlamentar após ser reeleito com mais de 8 mil votos para a 19ª Legislatura. Ainda não há detalhes sobre o local e horário do sepultamento do político.

Formado em Ciências Contábeis pela Universidade do Estado da Bahia, Daniel tinha como objetivo político ampliar o trabalho social em benefício das comunidades mais carentes. Ele será substituído pelo vereador Átila do Congo (Patriota), representante dos motoristas de aplicativo.

A Prefeitura de Salvador decretou luto oficial de dois dias na cidade. O prefeito Bruno Reis (DEM) inclusive cancelou a coletiva que seria realizada na manhã de hoje sobre a estratégia de aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid-19. As informações sobre a estratégia da imunização serão divulgadas durante o dia, através das redes sociais e imprensa.

A morte de Rios foi lamentada nas redes sociais por outros políticos baianos.

 LEIA MAIS: Com o aumento de casos da Covid-19, Rui Costa alerta população: "corremos o risco de ter colapso"

Acompanhe todas as notícias sobre o novo coronavírus.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.