O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, concedeu uma entrevista exclusiva para a jornalista Débora Bergamasco, nesta segunda-feira (25/2). Ele negou a existência de um esquema de candidaturas “laranjas” em Minas Gerais, para desviar verbas de campanha, e disse que não vai se afastar do cargo para se defender das acusações.

Marcelo Álvaro Antônio está sendo investigado pelo Ministério Público de Minas Gerais e pela Polícia Federal após denúncias feitas pelo jornal Folha de São Paulo, de que teria comandado um esquema de candidaturas laranjas no estado, onde dirigia o PSL.

LEIA MAIS: Resultado do Fies já está disponível na internet; confira

Ao menos quatro mulheres teriam sido escaladas para disputar a eleição, recebido dinheiro do partido e orientadas a devolver parte dos recursos pagando gráficas ligadas a assessores do ministro. O esquema seria apenas para cumprir a lei, que prevê cota de 30% de mulheres na eleição.

Confira abaixo a entrevista exclusiva na íntegra:

LEIA MAIS: Vídeo: teto do Shopping Paralela cai em área de passagem de clientes

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo e no www.aratuonline.com.br/lives. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.