A polêmica envolvendo Marina Ruy Barbosa, José Loreto e Débora Nascimento, que começou na sexta-feira passada (15/2) ganhou um novo capítulo. Desta vez, surgiu a informação de que Marina, que andava chorosa e com uma sensação de injustiça pelos bastidores da novela, teria chamado Loreto para uma conversa, que acabou em briga.

Um integrante da equipe de produção de o “O Sétimo Guardião” relatou ao Uol que a atriz “gritou, o chamou de covarde por não tê-la defendido das acusações e ainda o culpou por estar colocando risco a sua imagem profissional na televisão e no mercado publicitário. Ela também o lembrou do seu casamento.”

“Loreto ficou arrasado e foi um custo gravar as cenas da dupla previstas no roteiro. Eles não se falam mais e o clima está pesado entre os atores”, acrescentou.

Outra fonte afirma que a confusão começou porque Débora teria lido uma mensagem suspeita no celular do marido. “O Zé é uma pessoa muito extrovertida, carinhosa e sedutora também. Estava rolando um flerte com uma atriz do núcleo jovem, mas ninguém sabe direito se rolou algo. O problema foi que a Débora cismou que era a Marina e começou a comentar com algumas amigas, também atrizes, e a coisa virou essa baixaria”, explicou.

Apesar de Marina ter negado desde o início os boatos da traição, muitas atrizes como Bruna Marquezine, Giovana Ewbank e Fiorella Mattei deixaram de seguir a ruiva nas redes sociais.

Em contra partida, diversos internautas criticaram os ataques à Marina Ruy Barbosa e iniciaram protestos. Um deles resultou em uma debandada de seguidores do canal do YouTube de Giovana Ewbank. Em menos de 24 horas, a apresentadora perdeu cerca de 50 mil inscritos.

Foto: Youtube

José Loreto negou traição e pediu desculpas à ex-mulher, por meio de sua conta do Instagram, na quinta (21), mas Débora ainda não se pronunciou sobre o caso.

LEIA MAIS: Fã tatua olhos de Luan Santana e cantor brinca: Meus zoinho vesgo; veja

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo e no www.aratuonline.com.br/lives. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.