O caminhoneiro José Batisjela, 70 anos, morreu atingido por uma pedrada na cabeça enquanto passava perto de um ponto de manifestação dos caminhoneiros em greve na BR-364, na tarde desta quarta-feira (30), na cidade de Vilhena, em Rondônia. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, passadas à Rede Amazônica, a vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

LEIA MAIS: Greve dos caminhoneiros é encerrada na Bahia, garante SSP e PRF

O caminhão da vítima estaria passando pela BR, quando a pedra foi arremessada contra o para-brisa, que atravessou o vidro e atingiu a cabeça da vítima.

Uma pessoa que estava no local registrou a situação do veículo após o ocorrido.

Veja abaixo:

A área está isolada e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Militar (PM) estão acompanhando a situação. A perícia técnica da Civil também está no local.

Ainda de acordo com a Rede Amazônica, a rodovia está sem bloqueio, mas a população da cidade estaria sendo convocada para protestar e os caminhoneiros que passam dirigindo pelo local estão sendo atacados com pedras.

GREVE

A greve dos caminhoneiros entrou no nono dia nesta quarta-feira (30/5), em vários estados Brasileiros. Na Bahia, contudo, foi encerrada, segundo anúncio da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com os referidos órgãos, as rodovias estaduais e federais que haviam sido bloqueadas em consequência da paralisação foram liberadas nesta quarta.

Ainda conforme a SSP, manifestações em Feira de Santana, Itatim, Eunápolis, Itaberaba e Itacaré foram encerradas depois de negociações, e os caminhões já circulam livremente. Desde o início da greve, na semana passada, até a manhã desta quarta, foram aplicadas 101 multas nas rodovias estaduais, para os motoristas que permaneceram com veículos estacionados no acostamento, mesmo após advertência.

O secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, declarou que a SSP continua monitorando as rodovias. A megaoperação de desobstrução das estradas contou com o apoio do Batalhão de Choque (BPCHq), Grupamento Aéreo (Graer) e Companhias Independentes de Policiamento Especializados (Cipes).

LEIA MAIS: TV Aratu estreia programa sobre o São João com Sandro Becker e Genival Lacerda

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo e no facebook.com/aratuonline.