Um adolescente de 14 anos foi morto com três tiros na cabeça, dentro de casa, na rua Joaquim Ferreira, bairro de Jardim das Margaridas, em Salvador, na noite desta segunda-feira (26/11).

De acordo com vizinhos que, por questão de segurança, não quiseram se identificar, três criminosos, uma mulher e dois homens, invadiram várias residências do prédio até chegar onde o garoto estava.

Já na casa do jovem, os executores teriam dado vários tapas no seu rosto e, logo em seguida, deferido três tiros na sua cabeça. A vítima gritava dizendo que era inocente. A cena foi presenciada por uma das moradoras do local que preferiu não comentar o caso.

Ainda segundo a vizinha da vítima, após matarem o garoto, os homens e a mulher teriam saído em um Siena. Ela negou envolvimento do adolescente no tráfico de drogas da região.

Quem presenciou tudo sustenta que o trio responsável pelo crime é formado por policiais militares que atuam na região. Isso, porém, só deve ser confirmado ou não pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Procurado pelo Aratu Online, o comandante da 49ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/São Cristóvão), major Jailson Damasceno, não quis comentar o caso.

OUTRO CASO

Há pouco mais de dois meses, outra ação policial causou revolta entre os moradores de Jardim das Margaridas. A operação teria deixado uma pessoa baleada. Coletivos deixaram de circular na região após a população queimar um ônibus em protesto.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo e no www.aratuonline.com.br/lives. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.